Facebook
Twitter
Youtube
Flickr

Notícias

Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas

Ideia foi preservar o espírito patriótico entre os alunos
Data de inclusão: 08/09/2021 15:54

O tradicional desfile de 7 de setembro pela Avenida Beira-Rio, organizado pela Secretaria de Educação, não pôde ser realizado este ano, por recomendação do Governo do Estado, em função da pandemia Covid-19. Mas, para cultivar o espírito do nacionalismo entre os estudantes, muitas unidades realizaram ações internas com manifestações patrióticas.

No Centro de Educação Infantil (CEI) Ana da Silva Fontes, do bairro Cordeiros, foi realizado um momento cívico na segunda-feira (06) com as crianças do maternal, jardins e prés. O objetivo era estimular o sentimento de patriotismo, além de trabalhar questões de cidadania e ensiná-las a ter respeito pelos símbolos nacionais. Também foram passados valores de amor e respeito à pátria, à história e ao povo brasileiro. As crianças cantaram os hinos Nacional e da Independência e o momento cívico passará a ser realizado todos os meses na unidade, promovendo reflexões e interações entre as turmas.

No CEI Cássia Schneider, também do bairro Cordeiros, a semana da Pátria foi marcada pela releitura da obra Independência, do artista plástico Pedro Américo. Teve origami e pintura em guache do chapéu de Dom Pedro I; confecção de espada com peças de encaixe e colagem de figuras geométricas nas viseiras; pintura do chapéu de soldado com canetinhas; apreciação dos hinos da Bandeira, da Independência, além da música Meu Brasil Brasileiro; e até uma pesquisa com as famílias a fim de promover a reflexão sobre as diferentes origens e culturas do Brasil.

“As vivências realizadas tiveram como objetivo principal fazer com que as crianças desenvolvam, progressivamente, o amor a nossa pátria, conhecendo um pouco de sua história de forma lúdica, realizando pinturas e brincando com canções do nosso cancioneiro popular, como marcha soldado”, destaca a diretora da unidade, Daisy Regina Bacca.

No CEI Dra Zilda Arns Neumann, do Cidade Nova, as professoras de Múltiplas Linguagens, Ketilin Mignoni e Elizangela Maria Conceição, desenvolveram com os alunos do Jardim II e da Pré-escola vivências sobre a Independência do Brasil através do livro Fábula das Três Cores, do autor Ziraldo. O momento foi finalizado nesta quarta-feira (08) com apresentação da dramatização do livro. A professora de musicalização, Alessandra Cipriani, auxiliou as turmas cantando o Hino Nacional Brasileiro.

As homenagens também foram realizadas no CEI Leonidia dos Santos Vicente, do bairro São Vicente, na segunda, quando cerca de 30 crianças – caracterizadas com chapéus, bandeiras e pinturas faciais – participaram de um momento cívico com o hino Nacional Brasileiro. Elas também confeccionaram a bandeira do Brasil com materiais não estruturados.

No CEI Otávio Cesário Pereira, da Murta, aproximadamente 100 crianças participaram de desfiles cívicos, na segunda-feira (06), no entorno da unidade em dois períodos, matutino e vespertino. Ao longo deste mês, os alunos também aprenderão sobre os direitos e os deveres das crianças.

Homenagens ao Brasil também nas escolas

Na Escola Básica Arnaldo Brandão, do Imaruí, entre os dias 30 de agosto e 06 de setembro, aproximadamente 500 alunos do 1º ao 9º ano participaram de homenagens cívicas com a abordagem do tema Independência do Brasil. Ao longo deste período, os estudantes fizeram reflexões sobre o Brasil que querem, confeccionaram painéis e realizaram atividades com o Hino da Independência.

“A formação cidadã é muito importante para o desenvolvimento pleno das crianças e dos adolescentes. Ser um agente de mudanças, consciente de seus deveres em relação à comunidade e atuante na luta pela garantia de uma vida digna para todos é uma lição aprendida diariamente na escola”, enfatiza a diretora da escola, Carina Morais.

Na Escola Isolada Duque de Caxias, do Campeche, o dia da Independência foi marcado pelo sentimento patriótico de toda comunidade escolar. Na segunda, o desfile cívico dos alunos e professores pelo entorno da escola chamou a atenção de quem passava. Os alunos ainda declamaram poemas em homenagem ao Brasil, destacando suas belezas naturais, seu povo e sua grandiosidade. O hino da Independência, que foi previamente trabalhado pelas professoras com os alunos, marcou o tom de toda celebração, que contou com quase 70 estudantes nos dois períodos.

Já no Grupo Escolar Elisa Gessele Orsi, do bairro Fazendinha, as homenagens cívicas foram realizadas nos dias 01 e 06 de setembro. Houve o resgate da história da independência do Brasil, bem como o valor do civismo e do patriotismo. As turmas dos 2º e 3º anos apresentaram ainda poemas e músicas brasileiras.  

Imagens relacionadas

Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Sem desfile oficial, unidades escolares celebram 7 de setembro com ações internas
Facebook
Twitter
Youtube
Flickr
Todos os direitos reservados © 2021- Município de Itajaí